segunda-feira, 11 de abril de 2016

Panquecas (para a Sofia)


Decido partilhar a minha última descoberta para um bom pequeno-almoço: Panquecas.
Na realidade, é uma ótima opção para todas as refeições e, principalmente, para quem não tem tempo a perder e/ou paciência para cozinhar. Só demora algum tempo o ato de as preparar, mas é uma solução que dura alguns dias. E há sempre a hipótese de congelar para mais tarde recordar.

Nota: se decidirem congelar, coloquem uma folha de papel vegetal entre as panquecas. Será mais fácil de se despegarem umas das outras posteriormente.


A receita que tenho feito foi-me dada pela Ritinha e é bastante fácil de fazer. 

Ora então:

- 1/2 de polvilho doce (há à venda nos hipermercados como o Jumbo - foi lá que comprei a minha embalagem de 250 gr.)
- 4 ovos
- 1/2 lata de leite de côco
- uma pitada de sal (opcional)

Na receita falta  3 colheres de óleo de côco, que se quiserem juntar não fica mal, mas como não encontrei quando fui às compras, fiquei-me pela leite de côco e fiquei-me bem. 

O truque está em colocar os ingredientes todos numa taça, mexer sem deixar grumos e ir vertendo a quantidade suficiente para cobrir o fundo da frigideira (anti-aderente, se possível. Senão passem com algum tipo de gordura no fundo do tacho).
Depois, é ser criativo!

Lasanha com massa de panquecas
A semana que passou juntei às panquecas frutos silvestres, ou banana com nozes, ou queijo, ou marmelada, ou presunto e queijo mozzarella... Há um milhão de hipóteses para compor as panquecas. Até podem comê-las simples. Para os mais gulosos e, recordando as ceias em família, em que era quase um ritual fazer panquecas depois do jantar, as divinas panquecas com manteiga, açúcar e canela! 
Divirtam-se e mandem fotos!


Sem comentários:

Enviar um comentário